Selecione a cidade:   Rondônia, 05 de dezembro de 2020   |  Vídeos   |  Notícias Fotos e eventos

PC de Monte Negro prende foragido de latrocínio ocorrido em Cacaulândia

Tamanho do texto:  A+     A-         Imprimir
ASSESSORIA PC, 31/08/2020 23h25

 (Foto: ) Ampliar
(Foto: )

A Polícia Civil de Rondônia por intermédio da Delegacia de Polícia Civil de Monte Negro deu cumprimento na data de ontem, dia 31/08/2020, a um mandado de prisão temporária oriundo de investigação da latrocínio (roubo seguido de morte), sendo que o denunciado estava foragido desde o ano passado.

A prisão é pertinente a investigação entrada pela Delegacia de Polícia Civil de Monte Negro em razão de um roubo qualificado pela morte ocorrido no dia 01/01/2019 na Linha C-5 em Cacaulândia/RO.

Consta que o indiciado matou seu colega de trabalho na fazenda onde trabalham e no ato o indigitado por pouco não decepou a cabeça da vítima, sendo que na fuga subtraiu a motocicleta da vítima.

De posse das informações, a Polícia Civil iniciou as investigações e juntou elementos e provas da participação do foragido, mas como ocorreu um lapso temporal entre o crime e a comunicação, este conseguiu se evadir e ficar desaparecido até ontem.

Mesmo com o encerramento das investigações com a descoberta do autor do crime e encaminhamento do Inquérito Policial a Justiça e o Ministério Público ofertado a denúncia, a Polícia Civil não se furtou em empregar diligências de levar o processado a Justiça.

Com base nas investigações sobre o paradeiro do foragido, os Policiais Civis descobriram que ele poderia estar preso no Presídio de Buritis por flagrante de porte de arma, mas como não tinha consigo qualquer documento, não foi descoberto o mandado de prisão porque deu um nome falso durante sua prisão, medida que uma Equipe de Policiais Civis de Monte Negro acompanhados de uma Perita Papiloscopista da Polícia Civil foram até o presídio, sendo certo que a Perita Papiloscopista colheu a digital e por meio de laudo conseguiu aferir a real identidade do perigoso foragido.

Após o cumprimento da prisão, foram feitas as comunicações necessárias, agora será aguardada a julgamento.

A Polícia Civil agradece a todos os cidadãos que colaboraram com informações e com a investigação. A união entre Polícia e comunidade só tem a gerar bons frutos, portanto, caso você queira denunciar um crime ou criminoso de forma anônima a Polícia Civil disponibiliza o telefone 197.

Comentários
Comente direto do Facebook

Últimas notícias
Enquete
Qual das seguintes categorias melhor descreve seu status de emprego?

 

Escolha sua cidade:   Editoriais:  
Fotos e eventos
  |  Notícias
  |  Vídeos
Compartilhe você também:
  
  
  
© Copyright 2020 DiarioDaki - Todos os direitos estão reservados Anunicie conosco | Fale conosco | Política de privacidade | Área restrita