Selecione a cidade:   Rondônia, 16 de julho de 2018   |  Vídeos   |  Notícias Fotos e eventos

O evangelho proporciona utilidade

Onésimo significa ?o útil?. Pelo visto, antes de se tornar cristão, esse escravo era tudo

Tamanho do texto:  A+     A-         Imprimir
Chamada/Norbert Lieth, 13/05/2018 22h14

 (Foto: )
(Foto: )

“Ele antes era inútil para você, mas agora é útil, tanto para você quanto para mim.” (Filemom 11)

O apóstolo faz um jogo de palavras nesse versículo, expressando assim uma verdade espiritual e para destacar o poder do evangelho.

Onésimo significa “o útil”. Pelo visto, antes de se tornar cristão, esse escravo era tudo menos útil para o seu senhor. Aparentemente ele antes era falso, mentiroso e ladrão.

Por trás desse nome há uma tragédia escondida – talvez até uma tragédia familiar. Sabe-se que naquela época os pais colocavam nomes em seus filhos com o qual expressavam uma esperança ou um desejo. Onésimo, no entanto, havia destruído totalmente essa esperança e decepcionado os seus pais. Ele era o flagrante oposto daquilo que se esperava dele. – Agora, porém, ele encontrou a Jesus e, a partir desse momento, dava toda a honra ao nome dele. Ele se tornou útil.

O poder do evangelho pode transformar totalmente uma pessoa:

Onésimo, um escravo e ladrão inútil, tornou-se um amado e fiel irmão em Cristo: “Ele irá com Onésimo, fiel e amado irmão, que é um de vocês” (Colossenses 4.9).

Pedro, um pescador que jogava a rede em vão, tornou-se um homem cuja sombra era suficiente para curar pessoas: “De modo que o povo também levava os doentes às ruas e os colocava em camas e macas, para que pelo menos a sombra de Pedro se projetasse sobre alguns, enquanto ele passava” (Atos 5.15).

Um agitado homem possesso se tornou um calmo discípulo de Jesus: “Noite e dia ele andava gritando e cortando-se com pedras entre os sepulcros e nas colinas” (Marcos 5.5). – “Quando se aproximaram de Jesus, viram ali o homem que fora possesso da legião de demônios, assentado, vestido e em perfeito juízo; e ficaram com medo” (Marcos 5.15).

João, o discípulo vingativo, tornou-se o apóstolo do amor: “Mas o povo dali não o recebeu porque se notava que ele se dirigia para Jerusalém. Ao verem isso, os discípulos Tiago e João perguntaram: ‘Senhor, queres que façamos cair fogo do céu para destruí-los?’” (Lucas 9.53-54). – “Amados, amemos uns aos outros, pois o amor procede de Deus. Aquele que ama é nascido de Deus e conhece a Deus” (1João 4.7).

A mulher samaritana de má fama se tornou uma testemunha da verdade: “‘Não tenho marido’, respondeu ela. Disse-lhe Jesus: ‘Você falou corretamente, dizendo que não tem marido. O fato é que você já teve cinco; e o homem com quem agora vive não é seu marido. O que você acabou de dizer é verdade’” (João 4.17-18). – “Venham ver um homem que me disse tudo o que tenho feito. Será que ele não é o Cristo? Muitos samaritanos daquela cidade creram nele por causa do seguinte testemunho dado pela mulher: ‘Ele me disse tudo o que tenho feito’” (João 4.29,39).

Saulo, o sanguinário perseguidor de cristãos, tornou-se Paulo, um homem de coração bondoso e um advogado para Onésimo: “Muitas vezes ia de uma sinagoga para outra a fim de castigá-los e tentava forçá-los a blasfemar. Em minha fúria contra eles, cheguei a ir a cidades estrangeiras para persegui-los” (Atos 26.11). – “Prefiro fazer um apelo com base no amor... em favor de meu filho Onésimo, que gerei enquanto estava preso. Mando-o de volta a você, como se fosse o meu próprio coração” (Filemom 9-10,12).

O carcereiro insensível tornou-se um amigo compassivo: “Depois de serem severamente açoitados, foram lançados na prisão. O carcereiro recebeu instrução para vigiá-los com cuidado. Tendo recebido tais ordens, ele os lançou no cárcere interior e lhes prendeu os pés no tronco” (Atos 16.23-24). – “Naquela mesma hora da noite o carcereiro lavou as feridas deles...” (Atos 16.33).

O evangelho é o poder de Deus que salva, que transforma, que cria novas pessoas: “Vocês sabem que, quando eram pagãos, de uma forma ou de outra eram fortemente atraídos e levados para os ídolos mudos” (1Coríntios 12.2). – “Mas agora, em Cristo Jesus, vocês, que antes estavam longe, foram aproximados mediante o sangue de Cristo” (Efésios 2.13). — Norbert Lieth

Comentários
Comente direto do Facebook

Últimas notícias
Enquete
Qual das seguintes categorias melhor descreve seu status de emprego?

 

Escolha sua cidade:   Editoriais:  
Fotos e eventos
  |  Notícias
  |  Vídeos
Compartilhe você também:
  
  
  
© Copyright 2018 DiarioDaki - Todos os direitos estão reservados Anunicie conosco | Fale conosco | Política de privacidade | Área restrita