Selecione a cidade:   Rondônia, 21 de setembro de 2018   |  Vídeos   |  Notícias Fotos e eventos

Ministro do STF nega contrato com o TCE-RO para dar palestra no Valor de R$ 46,8 mil

?É um valor completamente fora do padrão, fora do que eu cobro?.

Tamanho do texto:  A+     A-         Imprimir
TudoRondonia, 29/03/2018 20h49

 (Foto: )
(Foto: )

O ministro Luis Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal, desmentiu a informação, que circula em  grupos de whatsapp , de que ele estaria cobrando R$ 46,8 mil para dar uma aula de uma hora em Rondônia, informa a coluna da jornalista Mônica Bergamo, da Folha de São Paulo.

O contratante é o Tribunal de Contas de Rondônia, conforme edital publicado no Diário Oficial do órgão. A palestra está marcada para o dia 18 de maio.

Segundo a colunista, Luís Barroso confirmou que aceitou um convite para falar na cidade, mas desmente tanto que tenha sido contratado pelo Tribunal de Contas quanto o valor anunciado por sua participação.

“Não tenho a menor idéia de que valor é este”, diz. “É um valor completamente fora do padrão, fora do que eu cobro”.

Conforme a colunista, Barroso disse que foi convidado a dar uma aula em Rondônia pela Editora Fórum, responsável pelo lançamento de seus livros e por organizar eventos de divulgação aos quais ele às vezes comparece.

“Eu não tinha a menor idéia de que poderia haver o envolvimento de algum órgão público, do Tribunal de Contas ou de qualquer outro. E, se tivesse, não aceitaria “, afirma ele. “Meu contrato é com a editora”.

Mônica Bergamo acrescenta em sua coluna: “O ministro diz que não firma contratos com órgãos públicos”.

 

Comentários
Comente direto do Facebook

Últimas notícias
Enquete
Qual das seguintes categorias melhor descreve seu status de emprego?

 

Escolha sua cidade:   Editoriais:  
Fotos e eventos
  |  Notícias
  |  Vídeos
Compartilhe você também:
  
  
  
© Copyright 2018 DiarioDaki - Todos os direitos estão reservados Anunicie conosco | Fale conosco | Política de privacidade | Área restrita