Trabalhadores em educação fazem assembleia para decidir se aceitam proposta do governo - DiarioDaki - A informação mais precisa
Selecione a cidade:   Rondônia, 15 de agosto de 2018   |  Vídeos   |  Notícias Fotos e eventos

Trabalhadores em educação fazem assembleia para decidir se aceitam proposta do governo

cobram ainda que o governo cumpra a lei que instituiu o Plano Estadual de Educação ...

Tamanho do texto:  A+     A-         Imprimir
SINTERO, 28/02/2018 23h42

 (Foto: ) Ampliar
(Foto: )

Os trabalhadores em educação do Estado de Rondônia se reúnem na manhã desta quarta-feira (28), para uma nova assembleia com o objetivo de avaliar o movimento, as tentativas de negociações com o governo e decidir sobre as novas estratégias do movimento. A categoria paralisou as atividades no último dia 21 de fevereiro para cobrar valorização salarial.

trabalhadores em educação cobram ainda que o governo cumpra a lei que instituiu o Plano Estadual de Educação e crie um piso salarial para os técnicos educacionais no valor de 60% do salário dos professores. Atualmente, segundo o Sintero, os técnicos ganham pouco mais de um salário mínimo devido às perdas salariais acumuladas.

Na terça-feira (27), a direção do Sindicato esteve reunida com integrantes da Mesa de Negociação Permanente do governo em mais uma tentativa negociação para o atendimento das reivindicações.

Como resposta da última reunião, os secretários apresentaram como proposta o pagamento de complemento de piso aos professores que têm vencimento inferior ao valor do piso salarial nacional, levantamento do custo para demitir os 545 professores emergenciais com a possibilidade de utilizar o valor nos salários dos professores concursados, e criação de uma força-tarefa para acelerar a tramitação dos processos de aposentadoria.

A diretoria do Sintero afirma que adiantou aos representantes do governo que essa proposta não atende às necessidades da categoria, mas será apresentada em assembleia para avaliação dos próprios trabalhadores.
Ainda de acordo com levantamento apresentado pelo Sintero, a adesão a greve está ocorrendo em todo o estado. Confira o percentual de adesão por cada regional.


Regional Norte ............... 65%
Regional Mamoré ........... 80%
Regional Estanho ........... 50%
Regional Centro II .......... 70%
Regional Rio Machado .. 60%
Regional Guaporé .......... 30%
Regional Café ................. 90%
Regional Mata ................. 80%
Regional Apidiá .............. 45%
Regional Cone Sul ......... 70

Comentários
Comente direto do Facebook

Últimas notícias
Enquete
Qual das seguintes categorias melhor descreve seu status de emprego?

 

Escolha sua cidade:   Editoriais:  
Fotos e eventos
  |  Notícias
  |  Vídeos
Compartilhe você também:
  
  
  
© Copyright 2018 DiarioDaki - Todos os direitos estão reservados Anunicie conosco | Fale conosco | Política de privacidade | Área restrita